skip to Main Content
BELA VISTA VAI AO MERCADO COMPRAR TORAS DE CEDRO AUSTRALIANO

BELA VISTA VAI AO MERCADO COMPRAR TORAS DE CEDRO AUSTRALIANO

As áreas de floresta própria que estão em ponto de corte não são suficientes para abastecimento e os plantios da empresa se intensificaram depois de 2010.
Por: Painel Florestal

Com um trabalho focado na espécie do cedro australiano desde 2002, a Bela Vista Florestal, empresa localizada em Campo Belo, no sul de Minas Gerais, montou no fim de 2013 uma serraria para processar a madeira de desbaste, com idade entre 8 e 10 anos.

Apesar de ter uma estrutura enxuta, com capacidade de processar 100m3/mês, as áreas de floresta própria que estão em ponto de corte não são suficientes para abastecimento, pois os plantios da empresa se intensificaram depois de 2010.

A solução encontrada foi ir ao mercado e a empresa está comprando cerca de 60m3 de toras por mês. Já foram adquiridos lotes de madeira no sul do Estado e na região serrana do Espírito Santo. Apesar do custo logístico, alguns caminhões andaram mais de 700 km com a madeira sem comprometer a viabilidade do negócio.

Toras de cedro australiano

Toras de cedro australiano


Madeira nobre serrada

Madeira nobre serrada

A madeira serrada é vendida em pranchas ou tábuas, ou transformada em lambris. No mercado, os clientes são os tradicionais compradores do cedro brasileiro, que se encontra cada vez mais caro e escasso. A Bela Vista negocia com empresas de esquadrias, portas, movelarias, laminadoras e revendedores de madeira. Muitos negócios não se concretizam pela falta de madeira. Algumas indústrias consomem mais de 1.000m3 de madeira serrada por mês, e a serraria não consegue atender.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top